Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MERCEARIA MAGINA

MERCEARIA MAGINA

12
Jun17

Meu rico Santo António!

É hoje! Esqueçam o Tinder, o Meetic, o Facebook, o Instagram, o Twitter, o Youtube, o Linkedin! Esta noite guardem os telemóveis bem guardados, e saiam para a rua de olhos bem abertos. All the single ladies de Lisboa: que o Santo António esteja convosco.

 

1.PNG

 

1.PNG

 

1.PNG

1.PNG

1.PNG

1.PNG

 P.S. - A BICA É LINDAAAAAAAAAA!!! SAUDADES DE LISBOA <3

 

04
Abr17

Ser gaja é caro

Dizia-o uma amiga minha há uns dias. "Como assim?", perguntam-me vocês. Ora vejamos, comecemos por generalizar a condição feminina. Generalização feita, observemos as responsabilidades inerentes a esta espécie. Uma gaja tem que se preocupar com: o período, o cabelo, a depilação, a manicure e a maquilhagem. Isto no melhor dos casos. Todos sabemos que a mulher é um ser complexo e algo insatisfeito. "Oh, mas também não são assim tantas coisas", dizem vocês, homens certamente. Muito bem, sejamos então mais precisos.

 

Comecemos pelo cabelo. Ele é champô (andam com o cabelo seco/ oleoso/ sem volume/ a querer espigar?), ele é amaciador (ora não desembaraçam o cabelo/ ora deixam o cabelo pesado/ ora deixam o cabelo oleoso/ ora deixa o cabelo sonso), ele é máscara hidratante (um must it), ele é sérum (dá aquele toque) e ele é espuma (ou para dominar os caracóis, ou para dar volume, ou para outra merda qualquer). Sugiro ainda que finjamos que todas deixamos secar o cabelo ao ar e que nenhuma estica o cabelo. Só naquela. 

 

Período? As que ainda não aderiram ao copinho, não se escapam ao óbvio. Quem é que nunca foi apanhada desprevenida? Tão bom, não é? Não há volta a dar, uma gaja tem que estar atenta ao stock de tampões e pensos higiénicos. E quando falo de stock refiro-me ao de casa e ao que temos distribuído por malas, mochilas, malas de viagem, sacos de ginásio, porta-luvas do carro e por aí fora. Nunca é demais ter um tampão à mão de semear.

 

Depilação. Temos mesmo que falar disto? Máquinas, giletes, cremes depilatórios, cera quente, cera fria, bandas, bandas para o buço, bandas para as sobrancelhas, pinças, óleos...o que é que me está a escapar? Isto para as gajas que fazem a depilação em casa mas atenção, as que não fazem também não se safam. Não é fixe pagar para que nos arranquem pêlos nas virilhas. Já ouvi dizer que não há como a depilação definitiva e até acredito. Vale tudo para não parecer uma ursinha cor-de-rosa.

 

Misturemos manicure e maquilhagem. E cremes, uma gaja não vive sem cremes. Cremes para tudo. Se tivermos cremes e óleos ainda é melhor. E exfoliantes, claro. Manicure em casa? Não vos quero aborrecer e o post já vai longo. Manicure na rua? "Vai ser normal, francesa ou gelinho?". Last but not least, a maquilhagem. Gajas que não se maquilham, vocês têm o meu respeito. Gajas que se maquilham, muito ou pouco, estamos juntas. E quem maquilha também desmaquilha não é verdade? Pessoal, é verdade, está aqui muito capital investido. Ser gaja é caro? Talvez. Mas acima de tudo, ser gaja é uma trabalheira dos diabos.

 

Capturar.PNG

 

Mais sobre a mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D